Image

Imitaçao... 1.19
 
DOS EXERCÍCIOS DO BOM RELIGIOSO

 
A vida do bom religioso deve ser adornada de todas as virtudes, a fim de que seja, interiormente, tal qual parece aos homens no exterior.
E, na verdade, melhor deve ser o interior do que o exterior que se vê: pois, onde quer que estejamos, nos olha Deus, a quem devemos suma reverência e, em cuja presença, é mister que andemos puros como anjos.
Devemos, cada dia, renovar nossos bons propositos e excitar-nos ao fervor, como fosse o primeiro dia da nossa conversão e dizer: " Ajudai-me, Senhor e Deus meu, no meu bom proposito e no vosso santo serviço: concedei-me começar hoje deveras, porque nada é o que até aqui tenho feito"
Consoante o nosso proposito será o nosso progresso:de muita deligência precisa quem deseja sério aproveitamento.

 


Se aqule que toma resolução enérgica, facilmente desfalece, o que será de quem a toma raramente ou propõe com menos firmeza ?
De vários modos acontece faltarmos ao nosso propósito e, dificilmente, passa sem dano algum à mais leve omissão em nossos exercícios de piedade.
O próposito dos justos depende mais da graça de Deus que da própria sabedoria, nele confiam sempre em tudo que empreendem.





Porque o homem propõe e Deus dispõe e não está na mão do homem o seu caminho.
Quando, por piedade ou proveito do próximo, se omite algum dos costumados exercício, facilmente, depois, se pode recomeçar.
Mas se deixamos com facilidade, por tibieza ou negligência, grande é a culpa e sentir-se-á o prejuizo. Esforcemo-nos, quanto possivel, e mesmo assim cairemos ou muitas faltas.
Contudo, sempre se deve propor alguma coisa determinada, principalmente contra aquilo que mais nos embaraça.
Tanto o nosso exterior, quanto o interior, deve ser, igualmente,examinado e regulado porque ambos concorrem para o nosso aperfeiçoamento.
Se não podes viver, continuamente recolhido, faze por consegui-lo de quando em quando, pelo menos duas vezes ao dia, pela manhã e à noite.



De manhã toma resoluções e à noite examína teus atos: como te houveste durante o dia, em palavras, ações e pensamentos: porque, talvez, nisso hajas ofendido, muitas vezes, a Deus e ao próximo.
Arma-te varonilmente contra as ciladas do demónio: refreia a gula e, mais facilmente, reprimirás as tendências da carne.
Nunca estejas de todo ocioso: lê, escreve, reza, medita, ou faz alguma coisa de utilidade para outros.
Os exercícios corporais, porém, devem ser praticados com discernimento, porque nem a todos convém igualmente.
Os exercícios particulares não se devem fazer em público, porque é mais seguro pratica-los em segredo.
Guarda-te, contudo, de ser negligênte para os exercícios da comunidade e muito pronto para os particulares: satisfita, porém, inteira e fielmente, as coisas de obrigação e preceito, se te sobrar tempo, emprega-o em particular. segundo a tua devoção.



Nem todos podem praticar o mesmo exercício: um convém a este, outro aquele.
Até da oportunidade do tempo dependem os exercícios: pois pois uns ficam melhor no dia de festa, outros nos dias ordinários.
De uns necessitamos no periodo da tentação, de outros no de paz e repouso.
Numas coisas gostariamos de meditar quando estamos tristes: noutras quando nos sentimos alegres e consolados no Senhor.
Na proximidade das principais festas devemos renovar nosso exercícios de piedade, implorando com mais fervor, a intercessão dos santos.
De uma a outra solenidade preparemo-nos como se houvessemos de sair deste mundo para a festa da eternidade.
Assim, pois, aparelhemos com diligência, nesses termos festivos, entregando-nos à práticas de piedade e mais rigorosamente guardando as regras como quem deve, dentro em pouco, ir receber de Deus o prêmio de seus trabalhos.
E, se este momento for diferido, acreditemos que não estamos ainda convenientemente preparados, nem somos dignos de tanta gloria, que se nos há de revelar  no tempo próprio: cuidemos de nos preparar melhor para o nosso transito.
Bem-aventurado o servo, diz o evangelista São Lucas, a quem o Senhor, quando vier, encontrar vigilânte. Em verdade vos digo que o constituirá sobre todos os seus bens.

Tradução a cargo de Dott. Alberto Rossini (Brasil
VIDEO ANEZO
AVE MARIA EM LINGUA PORTUGUESE

AS VIAS DO ESPIRITO

Maria: Mulher da espectativa

Image

Maria: Mulher da espectativa
 

A verdadeira tristeza não é quando, de tarde, voce não é esperado por ninguèm ao retornar em tua casa, mas quando voce já não espera mais nada da vida. A solidão mais negra voce a sofre não quando encontra a lareira apagaga, mas quando voce não a quer mais acender. Quando, enfim, pensa que a musica acabou. Agora, os jogos terminaram. A vida, então, corre plana para um epílogo, que não chega nunca.  Maria é a mais santa das criaturas logo porque a sua vida parece cadenciada de ritmos jubilosos como o de quem espera alguèm. Já o inverso inicial que o pincel de Lucas a identifica é carregado de esperanças:" prometida em casamento a um homen da casa de David" Noiva que era.

Codice shinistaT

THE WAYS OF THE SPIRIT

The Confession

Image

How to
confess well

Under the title of “How to confess well” the Cardinal Angelo Comastri has placed a path for the examination of conscience, that takes into consideration the life in the modern world. Let’s run to the source of Misericordy! The Holy Father has pointed out three spiritual goals to be reached for an authentic and genuine Christian life. Let’s see them! 1. The sacramental confession, as a sign of conversion; 2. The fidelity to the Sunday, Day of the Lord and of the Man; 3. The solidarity towards our brothers, especially with deeds of charity towards those in need.



 

LOS CAMINOS DEL ESPIRITU

EVANGELIO: Lucas 10,38-42

Image

EVANGELIO: Lucas 10,38-42

“Entró Jesús en una aldea y una mujer llamada Marta lo recibió en su casa. Tenía una hermana llamada María, que, sentada a los pies del Señor, escuchaba su palabra.
Señor, ¿no te importa que mi hermana me haya dejado sola con el servicio? Dile que me eche una mano. Marta, Marta: andas inquieta y nerviosa con tantas cosas: solo una es necesaria. María ha escogido la parte mejor, y no se la quitarán”.

¡Qué alegría celebrar hoy esta acogida de Marta!
Orar es acoger a Jesús en la propia casa. Al acoger a Jesús, él nos acoge en su corazón. Cuando recibimos a Jesús, todo lo vemos de otra manera, porque Él nos regala su mirada.



WEGE DES GEISTES

QUARTO DOMINGO DO ADVENTO

Image

QUARTO DOMINGO DO ADVENTO
22 Dezembro 2013
Uma reflexão


DE NOVO  E SEMPRE: NATAL !

São Francisco organizou o presépio na pequena aldeia de Greccio, na noite de Natal, três anos antes de sua morte. Foi uma beleza o bosque naquela noite iluminado pelos archotes trazidos pelo povo daquele lugar e arredores e os frades cantando musicas celestiais !
Celebrou-se a s.missa aí mesmo junto do boi e do burro e das palhas da manjedoura.  São Francisco, que era diacono, cantou o Evangelho, com voz doce, clara,forte e sonora. Guardou-se a palha do presépio que era dada aos animais doentes, conseguindo muitas curas, conforme contam as tradições locais. De Greccio o presépio espalhou-se pelo mundo afora e hoje é amado pela Igreja e pelas milhares de familias cristãs para que jamais fique esquecido o Menino de Belém, mesmo o comércio materializando o Natal. É de uma beleza encantadora os presépios populares, onde cada figura quer lembrar alguns dos elementos que aparecem no nascimento do Menino: a manjedora com a palha, o boi, o burro, os pastores com seus carneirinhos, Maria, José e a divina criança, os anjos cantando " gloria a Deus nas alturas" as estrelas brilhando no ceú e lá, numa curva longinqua da estrada, a caravana dos reis magos que se vem aproximando.

Preghiere

PRESENZA DI DIO

Image

PRESENZA DI DIO


“ LA NATURA E’ IL POEMA DI DIO”  DICE CONTARDO FERRINI.
DIO E’ PRESENTE NELLA NATURA.
CON LA SUA POTENZA CREATRICE NE HA TRACCIATO LA FISIONOMIA, PLASMANDO DI BELLEZZA OGNI SUO CONTORNO.