Image

Imitação ..... 3.20
 
DA CONFISSÃO DA PRÓPRIA FRAQUEZA
E DAS MISÉRIAS DESTA VIDA

 
Confessarei contra mim mesmo a minha iniquidade: confessar-vos-ei, Senhor, a minha fraqueza. Muitas vezes um nada me abate e me contrista. Proponho agir varonilmente, mas apenás quando me vier uma pequena tentaçaõ, sinto grande angustia. Às vezes de uma coisa insignificante procede de grave tentação. Outras vezes, quando me julgo um tanto seguro, eis-me, não raro, prostado por um leve sopro.  Vede, Senhor, minha baixeza e minha fragilidade, tão de vós conhecida. Compadecei-vos de mim e tirai-me do lodo,para que não me atole: nem fique para sempre soterrado. O que,  frequentemente, me atormenta e confunde, diante de vós, é sentir-me tão inclinado a cair e tão fraco em resistir às paixões.

Image

Ainda que não chegue ao pleno conhecimento, muito me afligem e molestam as suas solicitações e muito me entendia viver nessa luta quotidiana. Nisto conheço minha fraqueza: porque mais facilmente me assaltam imaginações abominávei, do que se afastam.
Oxalá, fortissimo Deus de Israel, zelador das almas fiéis, vos dignásseis de olhar para o trabalho e a dor do vosso servo, de assistir-lhe em tudo em que empreender.
Image
Fortalecei-me com a virtude celeste, para que não me vença e me domine o homem velho, mísera carne, ainda não de toda sujeita ao espirito e contra a qual importa combater enquanto estiver nesta miserável vida. Ah ! que vida é esta, onde nunca faltam tribulações e misérias, toda cheia de ciladas e inimigos !
Ainda bem uma tribulação ou tentação não acaba, outra começa e, mesmo antes de acabar o primeiro combate, sobrevém outros inesperadamente. E como se pode amar uma vida tão cheia de amargurase sujeta a tantas calamidades e míserias ? Como se pode chamar vida ao que gera tantas mortes e desgraças ? E, ainda assim, é amada, e muitos nela procuram deleitar-se.
Image
Condenam muitos o mundo por ser falaz e vão, mas nem por isso o abandonam facilmente, porque se deixam dominar pelos apetites da carne. Ums coisas nos incitam a amar o mundo, outras a detesta-lo.
As tendências da carne, o desejo dos olhos e a soberba da vida arrastam ao amor do mundo:mas as penas e as misérias, que,justamente, se lhes seguem, geram o ódio e o aborrecimento do mundo.
Mas, ó vergonha ! a deleitação a deleitação desordenada domina a tal ponto a alma mundana, que a faz julgar delicioso dever em meio dos espinhos: porque não conheceu nem experimentou as doçuras de Deus e a interna suavidade das virtudes. Aqueles, porém, que, perfeitamente,desprezam e procuram viver para Deus, em santa disciplina, conheçem a doçura divina, prometida aos verdadeiros abnegados e vêem claramente quanto erra o mundo e de quantos modos engana.
video correlato
Ave Maria em lingua portuguesa

AS VIAS DO ESPIRITO

SÉTIMO DOMINGO DO TEMPO COMUM

Image

SÉTIMO DOMINGO
 DO TEMPO COMUM

23 Fevereiro 2014
 Uma reflexão sobre o Evangelho


A liturgia do sétimo domingo do tempo comum nos convida à santidade e à perfeição.
Sugere que o caminho cristão é um caminho nunca acabado e que exige de cada homem e mulher um compromisso sério e radical, feito de gestos completos de amor e de partilha com a dinámica do Reino. Somos, assim, convidados a percorrer o nosso caminho de olhos postos nesse Deus que nos espera no final da viagem.

THE WAYS OF THE SPIRIT

Miracles

Image

Miracles:
irrefutable proof of the
Divinity of the Messiah


The word miracle indeed means any phenomenon produced by a supernatural force because it escapes the usual laws of nature. It is also confirmed in the popular lexicon, when it is said: "I can not make miracles... I can not do the impossible!". Existence of John the Baptist were sad, studded with troubles and adversities. He will be placed in prison of Machaerus, because he had publicly rebuked Herod, who took possession of Herodias , his brother Philip's wife.

LOS CAMINOS DEL ESPIRITU

2º Domingo del Tiempo Ordinario.

Image

2º Domingo del Tiempo Ordinario.
Evangelio: Juan 1,29-34

 “Este es el Cordero de Dios, que quita el pecado del mundo”
Lo que Cristo quiere es que cada uno de sus seguidores, cada uno de nosotros los que nos llamamos cristianos, luchemos contra el pecado del mundo, contra el desamor, individual y socialmente. Que amemos nosotros de verdad, con obras, a nuestros hermanos, y que luchemos, con amor y por amor, contra el pecado social y estructural del mundo en el que vivimos. Los cristianos no podemos conformarnos con ser nosotros individualmente buenos, debemos luchar activamente contra el gran pecado estructural, contra el pecado del mundo, contra el pecado del desamor.



WEGE DES GEISTES

Viviamo il presente nel timore del Signore

Image

XXXIII domenica del
Tempo Ordinario


Anno C


Viviamo il presente
nel timore del Signore


La Liturgia di questa domenica ci parla della fine del mondo, ma non dà delle indicazioni temporali. Vuole istillare in tutti speranza e fiducia. La paura e la timidezza sono estranee allo spirito cristiano, che quando è autentico è al riparo da ogni ingiustizia. Nella prima lettura il Profeta Malachia dice che “il giorno del Signore” è quello del suo ritorno; giorno rovente per i malvagi, ma pieno di sole radioso per i giusti.



Preghiere

croce dei giovani noi ti guardiamo

Image

Croce dei Giovani noi ti guardiamo

I giovani sono gabbiani, il loro volo ci affascina.
Sono acqua pulita e nuova, rugiada fresca
e vita sui nostri volti e sul cuore.
Sono arcobaleni colorati:
danno senso alla nostra vita stanca e grigia.
l giovani sono il sole: quando li guardiamo e li ascoltiamo
ci regalano luce e calore.