Image

Mãe de Deus

Virgem Maria, Imaculada Conceição, Assunta ao céu...... Nossa Senhora é invocada com estes nomes e muito mais! Mas Ela é sempre a Maria histórica dos Evangelhos. É a Maria de Nazaré, que as comunidades de fé, de mais de dois mil anos atrás, ouviram falar dela e muitas chegaram a conhece-la pessoalmente.Assim nós deduzimos da leitura teólogica, que fazemos das narrativas dos Evangelhos. Marcos, por exémplo, fala de Maria à sua comunidade, do jeito dele, Mateus, Lucas e João, também falam desta Maria de Nazaré nos vários momentos das comunidades de fé.E, finalmente, Lucas, outra vez, fala de Maria quando a coloca no nascimento da Igreja, nos Atos dos Apóstolos, recebendo o Espirito Santo,junto com outras mulheres, suas amigas e conhecidas e os apóstolos. É bom lembrar ! Esta é a Maria que o povo invoca como Mãe de Deus, Virgem Maria, Imaculada Conceiçaõ e Assunta ao céu de corpo e alma.De todos esses títulos atribuídos à Nossa Senhora, aquele que engloba os demais é o de Mãe de Deus, porque Deus se encarnou em Jesus para nos salvar.
Codice shinistaT
Image

Para entender do que estamos falando, precisamos reconhecer, não só as discussões e os estudos feitos pelos teólogos a fim de esclarecer esta verdade, mas reconhecer a caminhada de fé das comunidades de dois mil anos atrás até hoje.

Foram elas que deram este título à Nossa Senhora, pela experiência de fé que tinham em Jesus Cristo, mas que manifestavam esta fé na pessoa mais conhecida delas e atraídas pelos exémplos e pela inspiração que Maria de Nazaré, invocada como Nossa Senhora, dava a estas comunidades.

Diante deste testemunho de fé de milhares de comunidades que formavam a Igreja de Jesus Cristo, espalhadas por todo o mundo católico, e o aprofundamento da teología, o Magisterio da Igreja não podia desconhecer a fé que pulsava em todo este povo de Deus e aceitou, como verdade de fé, aquilo que nascia da fé do povo, que a Maria dos evangelhos é a Mãe de Deus.

Image

Este título, portanto, se desenvolveu na Igreja em estreita ligação com a vida concreta ds comunidades de fé do catolicismo do mundo inteiro, e também da sua história e da sociedade que estas comunidades viviam.

 Um coisa é certa: ainda que estes nomes tenham sido dados  num determinado tempo histórico e cultural, eles possuem um valor que cria uma profundidade e uma ligação muito grande com a vida de Jesus, antes da sua morte e, com o Cristo da fé, a partir de sua ressureição.

Maria é a seta que aponta para este Jesus Cristo que passou pela morte para ressuscitar e nos dar nova vida.

Deste Jesus Cristo, Maria se tornou a discipula-mãe, porque foi descobrindo, aos poucos, que Ele era mais do que ela, ainda que sendo filho dela, era filho de Deus Pai, enviado para nos salvar.Maria participou desta história da salvação.

Image

 Essa visão sobre o nosso modo de pensar e nos dá um um espaço de grandes horizontes, porque tais títulos com que Maria é cultuada desvela o mistério de Deus Pai, Deus Filho, Deus Espirito Santo.

A invocação de Mãe de Deus e todas as demais com que Nossa Senhora é chamada, nasceram da experiência da fé das comunidades do mundo católico, experiência de fé legitimada e ensinada pela Igreja dos pobres e dos ricos, para conversão de todos os povos e de todas as gentes.

Tradução a cargo de Dott. Alberto Rossini (Brasil)
VIDEO ANEXO
AVE MARIA
Image


As vias do Espirito
Portal Católico Italiano

As Vias do Espirito é uma pequena semente da palavra de Deus que,
transportada pelo vento do Espirito, se assenta aonde
 Ele quer e, somente Ele, rende fecundas as almas aonde germína.


 
Codice shinistaT

AS VIAS DO ESPIRITO

17° Domingo do Tempo Comum

Image


17° Domingo do Tempo Comum
27 Julho 2014
Uma Reflexão

A liturgia desse domingo do tempo comum nos convida a refletir sobre as nossas prioridades e nos valores sobre os quais nos fundamentamos a nossa existência.  Sugere, especialmente, que o cristão deve construir a sua vida sobre os valores propostos por Jesus. A primeira leitura nos apresenta o exemplo de Salomão, Rei de Israel, que pede ao Senhor a Graça da Sabedoria para bem governar seu  povo: pede um coração inteligênte para saber distinguir o bem do mal. Ele é o protótip do homem sábio que consegue perceber e escolher o que é importante e que não se deixa seduzir e alienar por valores efémeros dessa vida transitoria.


Codice shinistaT

THE WAYS OF THE SPIRIT

THE LADY OF ALL NATIONS

Image



THE  LADY OF ALL NATIONS
On March 25, 1945 Our Lady appeared in Amsterdam to Ida Peerdeman (†1996).
This was the first of 56 apparitions, which took place between 1945 and 1959.
On May 31, 2002, the local bishop came to the conclusion that the apparitions of Amsterdam are of supernatural origin. Our Lady appears under a new title,
 “The Lady of All Nations” or “The Mother of All Nations”.
In this time she wants to be made known and loved by everyone under this title.
In a prophetic way, she gives, above all, an impressive insight about the situation in the Church and in the world. In the messages, Mary gradually reveals a plan with which God wants to save the world and prepare it for a new outpouring of the Holy Spirit.
Accordingly, she gives all peoples and nations an image and a prayer:


 


 

LOS CAMINOS DEL ESPIRITU

Miércoles de Cenizan

Image
Miércoles de Cenizan

"La liturgia del Miércoles de Ceniza no se enfoca e la pecaminosidad del penitente, sino en la misericordia de Dios... Las cenizas marcan todo nuestro ser con la misericordiosa bendición de Dios"  - Thomas Merton



 

 


 

 

"

WEGE DES GEISTES

Religiosità popolare

Image

Tradizioni e pratiche di pietà

Generalmente, intendiamo per religiosità popolare quell' insieme di tradizioni e pratiche di pietà che formano, in concreto, l'anno religioso di un paese, o di tutto un popolo. Feste di santi, novene e altre iniziative punteggiate di preghiere, pellegrinaggi, atti di culto e simili, hanno alimentato la coscienza religiosa di intere generazioni.

Preghiere

San Bonaventura: Mi avvicino alla tua Croce o Signore

S. Bonaventura
Mi avvicino alla tua Croce,
o Signore

Mi avvicino alla Tua croce, o Signore;
al Tuo umile cuore mi appresso, o Gesù,
sostando alla porta del Tuo petto forato.
Così crocifisso, Tu mi aspetti per potermi abbracciare:
il Tuo capo fiorente, trafitto di spine,
Tu inchini su me per invitarmi a un bacio di perdono.